Posts Tagged ‘Alimentação’

DICAS PARA EVITAR O DESPERDÍCIO

20/08/2011

(Fonte: Atitude Sustentável)

60% do lixo brasileiro é composto de materiais orgânicos. Parte dessa quantidade é de fato lixo, que pode passar por processos de compostagem, voltando a fazer parte do ciclo. Porém, parte dessa quantidade são alimentos que poderiam ter sido aproveitados antes de estragarem.

A situação é ainda mais grave quando se pensa que 65,8 milhões de brasileiros vivem em insegurança alimentar, que é a falta de acesso a alimentos. Além disso, 16% das crianças abaixo dos seus anos de idade são desnutridas.

Por isso, evitar o desperdício de alimentos é necessário não só para o meio ambiente, mas também para uma melhor qualidade de vida para a população.

Confira 10 dicas de como tornar o consumo de alimentos mais sustentável:

1. Só compre aquilo que realmente necessita. Fazer uma lista antes de ir ao mercado e comprar os itens anotados é uma maneira de não desperdiçar. Cuide também com as quantidades, para que os alimentos não estraguem antes de serem consumidos. O mesmo vale para itens não alimentícios, como roupas e eletrônicos – pense bem antes de escolher. Itens parados são caros para o meio ambiente.

2. Tente se informar sobre as marcas que consume, para verificar se os processos de produção são éticos e justos, assim como o preço praticado.

3. Quando comprar carnes, opte por comprar em açougues ou balcões de supermercado. As bandejas usam isopor, material prejudicial ao meio ambiente. Além disso, as embalagens prontas escondem uma parte da carne, que pode não ser de boa qualidade. Por fim, as bandejas não permitem a escolha exata da quantidade de carne adquirida, o que pode gerar desperdícios de alimento.

4. Pães frescos, de padaria, são menos prejudiciais ao meio ambiente que pães industrializados, que são embalados em plásticos e necessitam de mais transporte.

5. Quando um item é consumido em maior quantidade, opte por comprar embalagens maiores do que várias menores. Além de possivelmente economizar dinheiro, as embalagens maiores são mais econômicas para o transporte e produzem menos lixo.

6. Tente usar uma garrafa de água reutilizável, ao em vez de comprar várias embalagens. Além de evitar o uso e descarte das embalagens, a troca evita os os danos que a produção e transporte das embalagens causam no meio ambiente.

7. Opte por produtos com poucas embalagens, ou com embalagens de papel ao invés das de plástico, que são mais difíceis de serem recicladas.

8. Opte sempre que possível por alimentos frescos, ao invés daqueles que passaram por processos indústrias, evitando todo o tipo de gasto envolvido no processo, como energia, recursos naturais, transporte e embalagens.

9. Evite deixar alimentos se estragarem. Frutas podem ser usadas em bolos e geleias, enquanto verduras podem ser usadas em conservas, mantendo os alimentos por mais tempo.

10. Tente fazer somente a quantidade de comida necessária para aquela refeição, e reutilize as sobras. O site Love Food, Hate Waste (em inglês), indica as quantidades necessárias de alimentos por pessoa e dá dicas de como reutilizar determinados alimentos.

Veja a campanha do Instituto Akatu contra o desperdício de alimentos.

Anúncios

BRASIL NA CONTRAMÃO

25/05/2010

Enquanto um número cada vez maior de pessoas está se conscientizando da importância da alimentação natural e orgânica, a produção agrícola no Brasil segue na contramão e utiliza cada vez mais agrotóxicos em suas lavouras, alcançando o primeiro lugar no consumo mundial de pesticidas.

Veja o que diz o médico e professor da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT), Wanderlei Antonio Pignati para o Mercado Ético:

O Brasil bateu recorde no consumo de agrotóxicos no ano passado. Mais de um bilhão de litros de venenos foram jogados nas lavouras, de acordo com dados do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para a Defesa Agrícola. O país ocupa o primeiro lugar na lista de países consumidores desses produtos químicos.

Com a aplicação exagerada nas lavouras no Brasil, o uso de agrotóxicos está deixando de ser uma questão relacionada especificamente à produção agrícola e se transforma em um problema de saúde pública.

Leia a matéria completa.

CORANTES X CRIANÇAS

27/04/2010

Por Milla Rúbia*

Inquietação do bebê sem relações patológicas, transtorno do déficit de atenção (TDAH), distúrbio de aprendizagem, alergias. Todos esses estados clínicos na infância afetam negativamente o desenvolvimento geral da criança. Suas manifestações mostram-se nítidas no desequilíbrio psicológico: aflição e inquietude. Mas, será o desequilíbrio psicológico uma causa ou conseqüência? Leia o restante deste artigo »

*Engenheira de Alimentos e autora do blog Nutracêuticos & Foshu

A NATUREZA ESTÁ PERDENDO A GUERRA

01/04/2010

Por Sérgio Vaisman

O homem está devastando o planeta, está contaminando a água, está se intoxicando com agrotóxicos de várias combinações, está se contaminando com agentes químicos poluidores que não estavam nos planos da Natureza quando nos construiu e, por isso, não existem os antídotos satisfatórios contra todos os elementos que nos agridem. 

Como se isso só não bastasse, os homens, à frente das grandes companhias multinacionais, nos condicionam a consumir os alimentos industrializados que são totalmente desprovidos de substâncias nutricionais, a beber os refrigerantes a base de combinações químicas das mais nocivas possíveis, a usar edulcorantes tóxicos, como é o caso do aspartame, e por aí adiante.

Leia o texto completo do médico e nutrólogo Sérgio Vaisman, no Mercado Ético.